As 220 famílias contempladas com as unidades habitacionais no Residencial Senador Paulo Duque, através do Programa ‘Minha Casa, Minha Vida’, no bairro Belmonte, estão cada vez mais perto de ter um imóvel para chamarem de ‘’seu’’. Os futuros moradores vão assinar nesta quarta-feira, 29 de agosto, o contrato de financiamento de moradia, subsidiado pela Caixa Econômica Federal, às 9h, na Casa de Festas Elite.

Residencial Senador Paulo Duque. Foto: Divulgação.

Residencial Senador Paulo Duque. Foto: Divulgação.

Na ocasião, a Prefeitura de Queimados, através da Secretaria de Habitação, também dará início ao processo de escolha do primeiro síndico do condomínio. Com o intuito de promover a integração e o bem estar entre os condôminos, além de prestar esclarecimentos sobre direitos e deveres, a equipe técnica da Assistência Social do Projeto vai orientar os beneficiados sobre a função momentos antes da eleição.

Todas as casas contam com sala, dois quartos, banheiro, cozinha, área de serviço, além de áreas privativas nos fundos e na frente, sendo possível utilizá-las inclusive como garagem. O condomínio também conta com casas adaptadas para pessoas com mobilidade reduzida, onde as portas são mais largas e o banheiro possui barras de apoio para facilitar o uso de pessoas com limitações físicas e cadeirantes.

Queimados foi o primeiro município da Baixada Fluminense a assinar o convênio de construção de unidades habitacionais com o programa “Minha Casa, Minha Vida”. Ao todo serão beneficiadas mais de quatro mil famílias e só no Condomínio Valdariosa foram construídos 1.500 apartamentos divididos em três fases, todos já entregues.