A Leão de Nova Iguaçu conquistou 299.8 pontos, dois décimos à frente da vice-campeã, a Unidos das Vargens, acabando com um jejum de quatro anos sem poder comemorar o título máximo do Carnaval. Em 2014 foi a oitava colocada no Grupo C, com o enredo “Quero ver quem não vai se embalar…Babi Cruz, a verdadeira majestade da passarela”, do carnavalesco Robson Goulart.

Leão de Nova Iguaçu é campeã do Grupo C. Foto: Divulgação.

Leão de Nova Iguaçu é campeã do Grupo C. Foto: Divulgação.

Os quesitos Mestre-Sala e Porta Bandeira; Comissão de Frente, Samba-Enredo e Fantasia receberam nota 10 de todos os jurados. A escola perdeu apenas dois décimos em Enredo e Conjunto, mas garantiu nota máxima (30 pontos) também em Harmonia, Evolução e Bateria.

Quinta agremiação a desfilar na segunda-feira de Carnaval, na passarela da Estrada Intendente Magalhães, ao lado de outras 11 escolas de samba do Grupo C, a Leão ganhou agora o direito de desfilar, em 2016, entre as escolas da Série B, dando um grande passo para, logo logo chegar à Marquês de Sapucaí.

O presidente da escola, Oberdan Rodrigues da Silva, o Bira, lembrou que a Leão foi à passarela do samba para falar da luta, da raça e da cultura negra.

“Foi um carnaval muito difícil, mas superamos todos os obstáculos. Com muita garra, conseguimos chegar ao grande objetivo da conquista do campeonato. O próximo passo é levar a escola de volta a Marquês de Sapucaí, de onde ela jamais deveria ter saído”, afirmou Bira.