Fundador da Biblioteca Comunitária Solano Trindade no Cangulo e articulador do Plano Municipal de livro e leitura de Duque de Caxias, o Prof. Antonio Carlos assume oficialmente a direção da Biblioteca Municipal Gov. Leonel Brizola (BMGLMB) na gestão do Prefeito Alexandre Cardoso e dirigido por Jesus Chediak e André Oliveira, Secretário e Sub de Cultura e turismo. Ficará ainda sob sua responsabilidade a Coordenação de política de livro e leitura e as três salas de leitura em Xerém, Imbariê e Jardim Primavera.

Prof. Antonio. Foto: Divulgação.

Prof. Antonio. Foto: Divulgação.

“Duque de Caxias está a frente em nosso país pois tem um dos processos mais democráticos e transparentes na construção de seu Plano Municipal de Livro e Leitura, pois a iniciativa partiu do movimento popular e não foi um enlatado do poder público” explica o professor. Ele completa ressaltando que será uma de suas prioridades “A aprovação do PMLL é uma de nossas prioridades a médio prazo, e a curto prazo é fazer com que as unidades voltem a funcionar normalmente atendendo a população” .

Entre as diretrizes de Antonio Carlos, está a criação de um sistema de bibliotecas: “Vamos criar Sistema Municipal de Bibliotecas a princípio com as públicas e comunitárias, e a longo prazo através de um censo levantar o número de Bibliotecas da rede municipal e estadual visando um integração e padronização”.

Desde 2005 à frente da Biblioteca Comunitária Solano Trindade no Cangulo, onde de forma empreendedora e com apoio de sua comunidade, conseguiu ineditamente o elevar a BCST de uma simples iniciativa de incentivo à leitura a um movimentos popular reconhecidos no Rio de Janeiro, estando hoje a frente da Rede Brasil de Bibliotecas Comunitárias.

Em sua última conquista, antes de assumir a função pública, foi confirmada a parceria com o Instituto C&A em que a Rede de Bibliotecas Comunitárias de Duque de Caxias receberá o financiamento do Projeto “Tecendo uma rede de leitura” na ordem de R$ 250.000,00 (duzentos e cinquenta mil reais) que atenderá cinco bibliotecas comunitárias: Solano Trindade e Grupo Comunitário (Cangulo), Profec (Jardim Primavera), Grupo Comunitário Chocobim (João Pessoa) e Vila Aracy (Parada Angélica).