Como parte de um pacote de obras para melhorias no sistema de abastecimento de água na Baixada Fluminense, o Governo do Estado, por meio da CEDAE, assinou, na última terça-feira (23), contrato com a empresa Telar-Contracta para intervenções em Cabuçu, no município de Nova Iguaçu.

Com investimento de R$ 113,2 milhões, serão realizadas obras de construção de dois reservatórios, booster, assentamentos de troncos e de adutora, beneficiando mais de 106 mil moradores da região.

A obra faz parte do Programa de Abastecimento de Água para a Baixada Fluminense, e da construção do Novo Guandu, orçados em R$ 3,4 bilhões, que incluem a construção de uma nova estação de tratamento de água para tratar 12 mil litros por segundo, elevatória de água tratada, linha de recalque (tubulação que abastece o reservatório) e reservatório com capacidade para armazenar 57 milhões de litros.

A construção nos diversos municípios da Baixada Fluminense, de 17 novos reservatórios e reforma de outros nove, que hoje estão fora de operação, assentamento de 95 km de adutoras para abastecer os reservatórios, 760 km de troncos e rede distribuidora e instalação de mais de 100 mil novas ligações prediais.

Do total de oito contratos previsto do programa, sete já foram assinados com as empresas vencedoras de licitações. O último está previsto para ser assinado até o próximo mês e refere-se a obras para aumentar a oferta de água para Nilópolis e outros municípios da Baixada.

No começo do mês, o Governo do Estado havia assinado dois contratos para execução das obras de complementação da nova adutora principal da Baixada Fluminense e do novo booster de Austin. Já foram assinados contratos para obras em Duque de Caxias, Belford Roxo, Queimados e São João de Meriti.