O prefeito de Nova Iguaçu, Nelson Bornier, e os secretários Saúde do município, Emerson Trindade, e do Estado, Luiz Antonio Teixeira Junior, participaram neste sábado (5), da inauguração do ambulatório para atendimento de gestantes com suspeita de zika vírus.

A unidade, que funcionará em prédio anexo ao da maternidade municipal Mariana Bulhões, será referência na identificação dos casos e principalmente no acompanhamento do pré-natal das gestantes com diagnóstico positivo para o vírus.

De acordo com o secretário de saúde Emerson Trindade, o objetivo é oferecer atendimento diferenciado às gestantes com os sintomas do zika.

“Além de agilizar a realização do exame para diagnóstico da doença, vamos acompanhar as pacientes durante todo o pré-natal. Será uma unidade de referência para as portadoras do zika vírus”, disse Emerson, salientando que esse atendimento exclusivo é fundamental para o tratamento das mães infectadas, especialmente àquelas cujo quadro clínico aponte para suspeita de bebês com microcefalia.

O ambulatório atenderá pacientes encaminhadas pelas unidades municipais de emergência, ambulatórios ou unidades de Nova Iguaçu onde as gestantes realizam o pré-natal. A unidade terá equipe formada por técnicos de enfermagem e obstetras e funcionará três dias na semana, das 8h às 17h.

Simultaneamente, em cinco bairros da cidade, acontecerá a “Zika tolerância Zero”, uma campanha publicitária com material específico para as gestantes.