A Campanha de Vacinação contra o HPV em São João de Meriti será iniciada em abril. A Secretaria Municipal de Saúde escolheu a estratégia de aplicar as vacinas, usadas na prevenção do câncer de colo de útero, nas escolas estaduais, municipais e privadas, para atingir por completo o público feminino entre nove e 13 anos. Diferente do último ano, a vacinação acontecerá em duas doses, a segunda aplicada seis meses após a primeira. Em 2015, três doses eram necessárias.

A vacina contra o HPV será aplicada em meninas com idade entre nove e 13 anos, em escolas estaduais, municipais e privadas. Foto: Assimp Meriti/Divulgação.

A vacina contra o HPV será aplicada em meninas com idade entre nove e 13 anos, em escolas estaduais, municipais e privadas. Foto: Assimp Meriti/Divulgação.

“O Estado orientou que cada município realize a sua estratégia. Então, nós optamos por realizar essa vacinação nas escolas. O público alvo, que são as meninas com idade entre nove e 13 anos, está todo nas escolas. Assim, vamos conseguir atingir todas elas”, disse Sandra Marques, superintendente da Vigilância Sanitária.

Além da divulgação da campanha de vacinação contra o HPV, a Secretaria de Saúde vai realizar palestras sobre o tema nas escolas. Serão ministradas a primeira dose para meninas que nunca tomaram a vacina e a segunda dose para aquelas que já fizeram uso e estão na faixa etária estipulada (entre nove e 13 anos). Os pais e responsáveis também serão orientados, em caso de dúvida, para levarem suas filhas em um posto de saúde mais próximo de sua residência.

A vacina aplicada será a quadrivalente, que previne contra os tipos 6, 11, 16 e 18 do HPV. Os dois últimos tipos citados são responsáveis por 70% dos casos de câncer de colo de útero. A eficácia da vacina é comprovada na prevenção das mulheres que ainda não tiveram nenhum contato com o vírus. Além disso, o uso é destinado exclusivamente para a prevenção, não tendo efeito demonstrado nas infecções pré-existentes.