Inicialmente acomodada em instalações provisórias, a unidade terá sede definitiva na Avenida Abílio Augusto Távora s/n, também conhecida como Estrada de Madureira (RJ-105), no bairro Marapicu, em meados deste ano. A licitação para a construção do imóvel será feita pela Secretaria de Obras do Estado no dia 22 de janeiro, às 11h, com valor estimado em R$ 1,07 milhão. A construção será de responsabilidade da Empresa de Obras Públicas (Emop).

De acordo com a Assessoria de Comunicação do Estado, o objetivo do projeto é reforçar o combate à criminalidade na área de Cabuçu, principalmente na Estrada de Madureira, onde são altos os índices de roubo de veículos e de tráfico de drogas, segundo o comandante do 20º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Almyr Cabral Mendonça, ao qual a unidade é vinculada. A companhia vai contar com um efetivo de 60 policiais militares e dois oficiais.

– A presença de policiamento na região será em tempo integral. Os policiais não precisarão mais se deslocar até o 20º batalhão. Com isso, os policiais ficarão mais tempo nas rondas, garantindo paz e segurança para a população – afirmou o comandante.

A companhia será instalada em dois conteineres, enquanto a sede definitiva não fica pronta. O prédio, com 319 metros quadrados, será erguido no centro de um terreno de 1.150 metros quadrados, como adiantou o secretário estadual de Obras, Hudson Braga.

– Será um prédio de um pavimento, dentro do padrão aprovado pelo comando da PM, capaz de atender um efetivo de 60 policiais, dispondo de alojamentos, sala de armas, recepção, refeitório, vestiários e estacionamento de veículos, entre outras dependências, além da construção de um muro com de 2,20 metros de altura em todo o perímetro do terreno e de uma rampa no acesso, com 1,20 metro de largura e inclinação máxima de 8,33%, para atender aos portadores de deficiência física – detalhou o secretário.

Depois da Companhia Integrada de Segurança Pública da Chatuba, inaugurada em setembro de 2012, na divisa dos municípios de Mesquita e Nilópolis, a Baixada recebeu no início do segundo semestre do ano passado a primeira Companhia Destacada da PM das quatro previstas para a região. Ela fica no entorno do Complexo da Mangueirinha, em Duque de Caxias. As outras duas serão na localidade de Gogó da Ema, em Belford Roxo, e em Vila Ruth, em São João de Meriti.

O governo do estado anunciou no dia 18 de dezembro passado que vai instalar dez Companhias Destacadas na Região Metropolitana, com efetivo de 600 policiais militares. Além das quatro na Baixada Fluminense, uma será em Niterói, duas em São Gonçalo e três na Zona Oeste da capital. As unidades serão instaladas a partir do dia 20 de janeiro de 2014, após a próxima formatura de 602 novos policiais militares.